Pessoas com diabetes podem engravidar?

Quer entender, de uma vez por todas, se pessoas com diabetes podem engravidar? Neste conteúdo vamos te explicar tudo sobre essa situação que desperta dúvidas e muitas melhores.

A resposta é sim, pessoas com diabetes podem engravidar, mas sempre com orientação e acompanhamento médico e, claro, seguindo uma dieta bem equilibrada tanto para a mãe quanto para o bebê. 

Com uma gestão cuidadosa e com a supervisão de um médico, pessoas com diabetes podem engravidar e ter uma gestação saudável, mesmo convivendo com a doença.

Situações que envolvem diabetes e gravidez

Agora você já sabe que pessoas com diabetes podem engravidar, mas é importante ressaltar neste conteúdo que quando se fala da doença junto com a gravidez, encontram-se duas situações diferentes: as mulheres que desenvolveram diabetes gestacional (aquela diagnosticada pela 1ª vez durante a gravidez) e as mulheres com diabetes tipo 1 ou tipo 2 diagnosticadas antes da gestação.

Por isso, é preciso prestar atenção nesses detalhes juntamente com o médico, para saber se a gravidez ocasionou a doença ou se a paciente já tinha antes da gestação.

Como a diabetes afeta a gravidez?

Quando se tem uma gravidez planejada, você pode melhorar as chances de ter uma gravidez saudável e, consequentemente, um bebê saudável.

Controlar os níveis de glicose de forma rigorosa é essencial, pois a glicose em excesso no sangue da mãe ultrapassa a barreira placentária, chegando até o bebê. Com isso, o pâncreas do bebê aumenta a produção de insulina, podendo levar a muitas complicações.

Riscos para o bebê e para a mãe.

Então, é bastante importante consultar o médico antes de engravidar e fazer todo o acompanhamento.

Além do mais, para minimizar os riscos de complicações, além de um bom planejamento, é necessário o apoio de uma equipe de saúde especializada, que deve ser composta por profissionais como: endocrinologista, obstetra de alto-risco e nutricionista.

Pessoas com diabetes podem engravidar, mas tem que haver o acompanhamento

Antes de engravidar, converse com a sua equipe médica sobre o seu planejamento familiar. Essa equipe estará apta a orientar sobre possíveis ajustes no seu tratamento. Serão avaliados, por exemplo, a necessidade de adicionar ou retirar algumas medicações.

Se a situação da mulher envolver sobrepeso, o médico, juntamente com um acompanhamento nutricional, irá recomendar o emagrecimento antes da gestação, além de outras ações que possam ajudar a mulher a manter o nível de açúcar no sangue. Para ter uma hemoglobina glicada adequada para o início da gestação.

É importante saber ainda, agora que você já tem a resposta de que pessoas com diabetes podem engravidar, que o acompanhamento durante a gestão é essencial e estas visitas ao médico precisam acontecer com mais frequência do que a gravidez de uma mulher sem a doença.

Isso porque durante a gestação as mudanças no controle glicêmico são frequentes e exigem mudanças no tratamento para manter a glicemias e hemoglobina glicada adequadas para a gestação. 

Abaixo, separamos os valores recomendados pela Sociedade Brasileira de Diabetes para as gestantes com diabetes:

  • Glicemia antes das refeições ≤ 95 mg/dL
  • Glicemia 1 hora após o início das refeições ≤ 140 mg/dL
  • Hemoglobina glicada < 6,0% durante a gestação.

Em mulheres com risco aumentado para hipoglicemias os alvos podem ser aumentados para:

  • < 99 mg/dL antes das refeições
  • entre 80 a 120 mg/dL ao deitar-se ou entre 2 e 4 horas da madrugada.

Pesquisar